O Que Pode Ser Zumbido no Ouvido?

zumbido-no-ouvido

Zumbido nos ouvidos é uma condição frequentemente associada à perda auditiva. Contudo, a resposta à pergunta “o que pode ser zumbido no ouvido” é muito mais abrangente, já que consiste em um sintoma e não uma doença específica.

Continue a leitura para compreender as causas para este sintoma, por vezes perturbador, e saber quando procurar ajuda médica.

O Que Pode Ser Zumbido no Ouvido

O zumbido nos ouvidos começa no ouvido interno. Na maioria das vezes, é causado por danos ou pela perda de células ciliadas sensoriais na cóclea ou no ouvido interno.

O sintoma pode se apresentar de muitas maneiras diferentes, incluindo sons relacionados ao oceano, zumbidos, estalidos, chiados ou assobios. O som pode estar em um ou ambos os ouvidos, ser constante ou ocasional, alto ou suave. Muitas vezes, é mais perceptível à noite quando você não está distraído com atividades de trabalho ou com a família.

Assim, o zumbido tende a ser mais perturbador para as pessoas quando elas estão tentando dormir. No entanto, a experiência do zumbido é altamente individual. Algumas pessoas são muito perturbadas por seus sintomas, enquanto outras as consideram bastante suportáveis.

Causas para o Zumbido no Ouvido

Existem dois tipos de zumbido do ouvido: o zumbido subjetivo e o zumbido objetivo, que podem apresentar causas diferenciadas.

O zumbido subjetivo é de longe o tipo mais comum. É causada por atividade anormal na parte do cérebro responsável pelo processamento do som (córtex auditivo). Ainda não está completamente esclarecido como essa atividade anormal se desenvolve.

O zumbido objetivo é muito menos comum. Representa o ruído real criado por estruturas perto da orelha. Outras pessoas podem ouvir os sons do zumbido objetivo se escutarem de perto.

Zumbido Subjetivo

Mais de 75% dos distúrbios relacionados à orelha incluem o zumbido subjetivo como um sintoma e as pessoas que têm perda auditiva, independentemente da causa, frequentemente desenvolvem zumbido. As causas mais comuns incluem:

  • Exposição a ruídos altos ou explosões (trauma acústico);
  • Envelhecimento ( presbiacusia);
  • Certas drogas que danificam o ouvido ( drogas ototóxicas);
  • Doença de Meniere.

Outras causas para o zumbido subjetivo incluem infecções do ouvido médio, distúrbios que bloqueiam o canal auditivo (como infecção do ouvido externo, cera de ouvido excessiva ou corpos estranhos), problemas com a tuba auditiva (que conecta o ouvido médio e as costas do nariz) devido a alergias ou outras causas de obstrução, otosclerose (um distúrbio do crescimento ósseo excessivo no ouvido médio) e desordens temporomandibulares. Uma causa incomum, mas séria, é um neuroma acústico, um tumor não benigno do nervo que parte do ouvido interno.

Zumbido Objetivo

Zumbido objetivo geralmente envolve o ruído dos vasos sanguíneos perto da orelha. Em tais casos, o som vem com cada batida do pulso (pulsátil). Causas mais frequentes incluem:

  • Fluxo turbulento através da artéria carótida ou veia jugular;
  • Alguns tumores do ouvido médio que são ricos em vasos sanguíneos;
  • Vasos sanguíneos mal formados da membrana que cobre o cérebro.

O ruído mais comum é o som de fluxo sanguíneo rápido ou turbulento nos principais vasos do pescoço. Este fluxo sanguíneo anormal pode ocorrer devido a uma redução na contagem de glóbulos vermelhos (anemia) ou um bloqueio das artérias (aterosclerose) e pode ser agravado em pessoas com hipertensão descontrolada.

Alguns pequenos tumores do ouvido médio chamados tumores glômicos são ricos em vasos sanguíneos. Embora os tumores sejam pequenos, eles estão muito próximos das estruturas de recepção do som da orelha, e o fluxo sanguíneo através deles pode às vezes ser ouvido (somente em uma orelha).

Às vezes, malformações dos vasos sanguíneos que envolvem conexões anormais entre artérias e veias (malformações arteriovenosas) se desenvolvem na membrana que cobre o cérebro. Se essas malformações estiverem próximas ao ouvido, a pessoa às vezes pode ouvir o sangue fluindo através delas.

Menos comumente, os espasmos dos músculos do palato ou os pequenos músculos do ouvido médio causam estalidos. Esses sons não seguem a batida do pulso. Tais espasmos geralmente não têm causa conhecida, mas podem ser devido a tumores, traumatismo craniano ou doenças que afetam os nervos (por exemplo, esclerose múltipla ).

Quando Procurar Ajuda Médica para o Zumbido no Ouvido

Nem todo zumbido é motivo de preocupação. Se o toque persistir durante várias semanas, consulte o especialista em ouvido, nariz e garganta, que solicitará um teste auditivo chamado audiograma. Isso nos ajuda a perceber se há perda auditiva relacionada ao nervo associada ao zumbido.

Consulte um médico imediatamente se estiver se sentindo tonto, experimentando uma perda auditiva completa em um dos ouvidos ou tenha sintomas de vertigem junto com o zumbido – uma combinação de sintomas que podem sinalizar a doença de Ménière.

Outra sinal de alerta potencialmente sério: se você ouvir seu batimento cardíaco, que é conhecido como zumbido pulsátil, pode ser causado por problemas mais sérios, incluindo um tumor benigno, infecções do ouvido médio, pressão alta, artérias obstruídas ou AVC. Se isso acontecer com você, procure ajuda médica imediatamente.

Comente

Call Now Button